Município de Sairé recebe alunos da Unip para conhecer Programa Sairé + Saudável


Com objetivo de permitir aos alunos do curso de Bacharelado em Administração da Faculdade Unip (Universidade Paulista) e assim adquirirem um conhecimento mais aprofundado do programa Sairé + Saudável, a cidade de Sairé recebeu uma comitiva composta por alunos e professores da Unip.

O grupo esteve visitando o Pórtico da cidade, a UTC (Unidade de Triagem e Compostagem), as praças, museu municipal, igrejas e por fim o Castelo Pergentino.        

Conhecer o programa Sairé mais saudável foi uma forma de agregar a prática com os conhecimentos teóricos vivenciados em sala de aula e abrir novas visões a cerca dá administração, pois a administração pública também pode implementar  a sustentabilidade e a responsabilidade social.   

Para a professora da Unip, Josimery Lins a visita ao município fui muito importante. “Como sou saireense e acompanhei o desenvolvimento desse programa Sairé + Saudável acontecer, quis dividir com meus alunos que essa prática que permiti uma melhor qualidade de vida para todos”, ressaltou a professora. 


“Sou estudante de administração e como todo universitário desse curso se pergunta: será que é possível administrar se preocupando com o meio ambiente e implementar a responsabilidade social como forma de melhorias? E na visita a o programa Sairé mais saudável vi quê é possível e o mais importante em uma administração pública”, disse o estudante Everton José da Silva.


Para o aluno, Maurício Tavares, o que mais chamou atenção no programa Sairé + Saudável foi à diminuição das doenças no município, resultando em uma melhor qualidade de vida. “Mesmo sendo de Caruaru, tão próximo de Sairé, e ter ouvido falar dá cidade, não imaginei o tamanho do projeto, nem o quanto é importante, mas vi uma cidade organizada com uma Unidade de Tratamento de Compostos reconhecida mundialmente”, disse o estudante.

O aluno Diogo Ribeiro, falou sobre a visita ao município de Sairé. “Ficou mais claro pra mim, que sempre devemos pensar de forma ampla e consciente entendendo que as nossas atitudes positivas ou negativas tem impacto direto na nossa cidade e no mundo, por isso devemos agir com ações que gere o bem estar social onde todos precisam entender que compartilhamos da mesma casa onde todos precisam de ajuda, e onde cada um pode fazer a sua contribuição, que somada com a dos outros os objetivos sociais serão alcançados e assim chegando em realidades melhores onde  haja qualidade de vida para a população. Gostei muito da visita, foram novas situações que me fizeram refletir” relatou o universitário.









Postagens Relacionadas
‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››