segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Defesa Civil de Sairé recebe pluviômetros



A Defesa Civil de Sairé acabou de adquirir 4 dos 7 pluviômetros adquiridos em parceria com  a CEMADEN.  Na próxima semana serão instalados nos locais já estudados anteriormente. Com estes equipamentos a Defesa Civil de Sairé irá prevê e monitorar índices pluviométricos nas áreas as quais serão destinados.

Prefeito de Sairé, Fernando Pergentino prestigia Romaria do Frei Damião em São Joaquim do Monte

O prefeito de Sairé, Fernando Pergentino juntamente com alguns secretários, prestigiaram no último domingo (21) uma das maiores festas religiosas do estado, a Romaria do Frei Damião em São Joaquim do Monte.

No evento o prefeito se encontrou com o governador de Pernambuco, João Lira Neto, com o candidato da frente popular ao governo do estado Paulo Câmara e com o Pe. Antônio Maria, e juntos assistiram a missa ao lado do pároco do município, Padre Pedro.
 "Já participei desta grande festa outras vezes. Conheço a grande força do evento, e agradeço ao prefeito Joãozinho Tenório pelo convite." Afirmou Fernando. 





Marina desbanca Dilma em Pernambuco

Com 41% a 35%, Marina desbanca Dilma em Pernambuco, mostra nova pesquisa do Instituto Maurício de Nassau (IPMN)/JC

Armando (PTB) e Paulo (PSB) levaram campanha para procissão no Agreste

Armando Monteiro (PTB) e Paulo Câmara (PSB) estiveram este domingo (31) no município de São Joaquim do Monte, no Agreste, para prestigiar a tradicional procissão de Frei Damião. Apesar da agenda comum, eles não se encontraram, já que o socialista chegou mais cedo e foi embora quando o petebista desembarcou na cidade.
Além desses compromissos, os dois participaram de outras atividades de campanha e comentaram o resultado do levantamento feito pelo Instituto de Pesquisa Maurício de Nassau (IPMN), encomendado pelo Portal Leia Já e divulgado em parceria com JC, que apontou um empate técnico entre eles.
“A manutenção da liderança significa muito mesmo em meio a tudo o que acontece, a todas circunstâncias, às máquinas que estão envolvidas”, disse Armando. Na segunda colocação, mas com a candidatura em crescimento, Paulo adotou um tom humilde ao tratar da pesquisa. “Temos que trabalhar muito ainda. A pesquisa aponta um alto grau de desconhecimento e a gente tem que intensificar nossa presença na rua”, destacou.
Paulo chegou a São Joaquim do Monte por volta das 15h e participou de uma caminhada pelo Centro da cidade na companhia de uma pequena, mas animada militância comandada pelo prefeito do município, Joãozinho Tenório (PSDB). Cabos eleitorais abriam caminho na multidão informando que o “candidato de Eduardo” estava vindo.
Em seguida, refez o mesmo percurso acompanhando a procissão de Frei Damião. No meio do trajeto, encontrou a militância de Armando, mas não houve qualquer tipo de incidente.
Ao lado do socialista, estava o governador João Lyra (PSB). Ele chegou à cidade com um adesivo da filha Raquel Lyra (PSB), deputada estadual candidata à reeleição, mas tirou o adereço durante a procissão. O governo estadual é um dos patrocinadores do evento religioso.
Mais cedo, em um ato de campanha no Recife, Paulo prometeu divulgar o seu programa de governo até a próxima sexta-feira e informou que o documento está “praticamente finalizado”.
Inicialmente, Armando chegaria a São Joaquim do Monte às 15h30, mas se atrasou por duas horas. Como resultado, perdeu a procissão e deixou todos os holofotes da caminhada religiosa para o rival. Ele teve uma passagem mais “fria” pela cidade, ao lado de aliados e da militância já que boa parte da população estava reunida em frente ao palco para assistir à missa.
Em Pombos, na Zona da Mata, o petebista prometeu obras aos moradores da cidade. “A recuperação da PE-58, a melhoraria dos serviços da Compesa, o trato com a segurança pública”, destacou.
Jornal do Commercio

TIROTEIO EM ROMARIA DEIXA UM MORTO E VÁRIOS FERIDOS EM SÃO JOAQUIM

Na manhã deste domingo em São Joaquim do Monte, uma tragédia foi  registrada, quando milhares de romeiros de toda a região estavam em pleno execício de sua fé, dois elementos, até então não identificados, se aproximaram do segurança e ex presidiário Gilberto Neves da Silva, Betinho, que residia em Camocim de São Felix , e efetuaram vários tiros de pistola 380, Betinho foi executado no local, o também segurança de Camocim de São Felix Carlos André da Silva, idade não informada, foi atingido na mão e na cabeça, passa bem, vitimas de bala perdida foram: Nilton Carneiro de Santana, residente no Recife, foi transferido para o Hospital da Restauração, em estado grave, Dionisia Gomes de Araujo, residente em Pombos e Paulo francisco dos Santos, residente em Bonito, eles foram atingidos de raspão. Dona Dionisia também foi alvejada e socorrida para hospital da região.Veja imagens aqui

domingo, 31 de agosto de 2014

Vaquejada: uma polêmica Tradição Cultural

Hoje, escolhi um tema que é extremamente importante, complicado e eu que milito há muito tempo nesta área, também passei muito tempo para ter uma opinião. Talvez eu possa esclarecer alguns pontos de vista ou deixar alguns internautas raivosos . Nessas luas todas, aprendi bem a conviver, respeitar opiniões e defender ideais, principalmente com pessoas que pensam diferente de mim. Como tem acontecido ultimamente,uma internauta me escreve para saber minha opinião a respeito da vaquejada. E, começa dizendo que já assistiu palestra minha, que um amigo dela foi meu aluno e em determinado trecho ela diz que, aquele adesivo, “meu esporte é vaquejada” é ridículo e brega e que os meninos que correm vaquejada são matutos, brutos e só falam de cavalos.
Bem, minha querida leitora, a vaquejada é citada desde o século XVIII quando no processo de formação das fazendas do Nordeste pela Casa daTorre ( dos  Garcia D’avila), especificamente, nos lados que margeavam o Rio São Francisco, seguindo até o Piauí e Maranhão, já fora da bacia franciscana, formando sesmarias e arrendamentos. Nestas fazendas, o gado era reunido uma ou duas vezes no ano para serem marcados ou ferrados  e  os vaqueiros contratados já, amestiçados com negros, índios e brancos, usavam o “ferrão,”que era uma vara comprida com  um tipo de anzol na ponta, que era enfiado no dorso do animal na carreira,  e  caía e, desta forma,  era feito o serviço de identificação e solto até a próxima invernada.
Já em meados de 1832, um poeta cantador  se referia a vaquejada como a derrubada de boi pelo rabo e o aparecimento de vaqueiros famosos de indômita bravura( tá parecendo um romance cavalariano). Daí surgiu a vaquejada, que ainda se corre no mato até hoje porém, a vaquejada de pista, urbanizada, com Shows,  com grande afluência de público, deve ter esse formato há uns vinte anos. Que a vaquejada é bruta é verdade, que quebra cauda do boi, é verdade e que é um esporte , também é verdade. A vaquejada é bruta porque vem de um estilo rústico do vaqueiro sertanejo que corre no mato. Quebra a cauda do boi, porque hoje tem muito cavalo bom que dá pressão, bota força  e as vezes acontece a quebra porém, representa menos de 3% do total de boi corrido e é penalizada. E é um esporte, porque vem da tradição cavalariana da Península Ibérica\Moura com as características originais da derrubada pela cauda como uma criação do nosso vaqueiro Nordestino.
A tradição também originou a tourada na Espanha e em Portugal inclusive, com a  morte do touro e ninguém até hoje, conseguiu acabar. Essa tradição é chamada de tradição cultural. Acho que, quem gosta vai, participa, assiste etc. Quem não gosta, não vai, fica em casa e não chega nem perto. Agora, quanto a opinião sobre os meninos que são brutos, matutos e só falam de cavalos, pode ser o oposto que atrai, embora eu só goste dos afins como eu. Na minha pequena e modesta opinião a mulher tem que ser bonita aos olhos do seu homem, gostosa no seu gosto, educada, mas bruta. Se for fina demais, cheia de hi fi fi, só me lembra papel higiênico fino que o cabra termina se melando de merda.   
da redação do Nordeste Rural

sábado, 30 de agosto de 2014

Armando e Paulo em empate técnico na corrida para o governo de Pernambuco

A segunda rodada de pesquisas do Instituto Maurício de Nassau, para o Jornal do Commercio e o portal Leia Já, mostra um empate técnico entre os principais concorrentes ao Palácio do Campo das Princesas, a pouco mais de um mês das eleições em Pernambuco.
O candidato de oposição, o petebista Armando Monteiro Neto, continua na frente com 32% das intenções de voto, na pesquisa estimulada. Na edição anterior do levantamento, no começo de agosto, o petebista contava com 37% das intenções de voto.
Pelo lado da situação, o candidato socialista Paulo Câmara aparece com 28% das intenções de voto. No levantamento anterior, somava 10% das intenções de voto. Foram impressionantes 18 pontos percentuais em três semanas. Continue lendo.

CLIMATEMPO

DEFESA.ORG

 

© 2011-2014 Sairé News. Traduzido Por: Alison Marquess - Designed by Alison Marquess

Back To Top