Sairé sediou um dos maiores eventos do Brasil, o Carvalheira na Fogueira

Fotos divulgação redes sociais
O São João é uma das datas comemorativas mais esperadas no Nordeste do Brasil. O município de Sairé foi sede de um dos maiores eventos do Brasil, o Carvalheira na Fogueira, que aconteceu no último sábado, 23, no Hotel Fazenda Monte Castelo. O evento que já é tradição no município, contou com as apresentações do sertanejo Luan Santana, Xand Avião, Gustavo Mioto e Wallas Arraies, além dos Djs Ralk e Korossy.


Para celebrar o momento em grande estilo, o espaço da festa foi transformado em um verdadeiro arraial. O evento contou com uma super estrutura com cidade cenográfica, quermesse com pescaria, roda gigante, carrossel, quadrilha junina e até casamento matuto com padre fictício. Além disso, o local contou com área de shows 100% coberta, piso easy floor, praça de alimentação, estacionamento e serviço de open bar.

No evento, o cantor Luan Santana apresentou sua nova turnê intitulada "X Luan", em comemoração aos dez anos de carreira. O show tem uma pegada futurista, com muitos efeitos de luz e uma máscara gigante como cenário. Apesar de revolucionário, o repertório será variado unindo sucessos antigos, como "Meteoro", "Amar não é pecado" e "Acordando o Prédio", até os mais novos, como "2050".

Com apenas 20 anos o fenômeno paulista Gustavo Mioto está despontando nas paradas musicais de todo o Brasil. No Carvalheira na Fogueira ele apresentou seus hits, como "Anti-amor", "Impressionando os anjos" e "Coladinha em mim". O forró da noite ficou por conta do cantor Xand Avião. No setlist, os sucessos "Inquilina", "Uber", "Então vai", "Deixa" e a nova "Eu e a torcida do Brasil", uma parceria com Wesley Safadão.

A edição 2019 do Carvalheira na Fogueira será totalmente sustentável e atendendo as reivindicações do município de Sairé que é pioneiro quando o assunto é sustentabilidade. O município de conta com o programa “Sairé + Saudável” que propõe, entre outras coisas, a discussão com a população sobre o papel de todos na construção de um modelo de desenvolvimento mais consciente, por meio da realização de conferências nas diversas áreas e da elaboração de planos municipais para sistematizar as ações, além de alternativas para melhorar a qualidade de vida e ampliar a consciência coletiva – justamente através da intersetorialidade e da participação social, desafio da gestão municipal para o enfrentamento das desigualdades sociais e do desenvolvimento sustentável.






Postagens Relacionadas
‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››