ELEIÇÕES 2018: Em reunião com direção nacional, ala do PT defende apoio a Paulo Câmara


Integrantes do PT de Pernambuco defenderam nesta quinta-feira (3), em reunião com um grupo nacional sobre as eleições, a proposta de aliança do partido com o PSB de Paulo Câmara no Estado. A proposta foi apresentada, segundo fontes do Jornal do Commercio, em documento assinado por nomes como o vice-presidente estadual da legenda, Oscar Barreto.
Estavam na reunião, realizada na sede do PT, no Recife, representantes tanto dos que querem apoiar os socialista quanto dos que defendem candidatura própria. A vereadora Marília Arraes, que tenta disputar o Governo do Estado contra Paulo Câmara e seria limada no caso de aliança, era uma das que estavam no encontro.
Para os que assinam o documento apresentado nesta quinta-feira, porém, a candidatura de Marília Arraes deixaria o PT isolado no pleito estadual e poderia prejudicar o partido.
Dividido desde o ano passado entre o PSB e a candidatura própria, o PT marcou para 12 de maio um congresso para definir um nome. Apesar disso, petistas ponderam que, mesmo que um candidato seja escolhido – além de Marília Arraes, foram inscritos o deputado estadual Odacy Amorim e o militante José de Oliveira -, a executiva nacional precisa homologar o resultado e pode intervir pela aliança.
A reaproximação com o PSB foi iniciada em 2017, a partir de conversas entre a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, e o dos socialistas, Carlos Siqueira.
Blog do Mário Flávio

Postagens Relacionadas
‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››