Paulo Câmara anuncia novas ações no Pacto pela Vida

O governador Paulo Câmara anunciou na manhã desta quinta-feira (7) ações que serão tomadas para o fortalecimento do programa Pacto pela Vida. Entre as medidas, um destaque é a realização de novos concursos públicos para contratação de agentes e policiais civis e militares. A coletiva foi realizada no Palácio do Campo das Princesas com a presença dos secretários do governo.

A previsão do governo é que o novo concurso seja realizado ainda este ano. Serão criadas 316 vagas para a polícia científica, 50 cargos de escrivão, 1.500 vagas para soldado da Polícia Militar e 500 vagas para agentes da Polícia Civil.

O foco no pacote anunciado nesta quinta-feira (7) está nas ações preventivas junto aos jovens. O Programa Jovem Aprendiz será ampliado e receberá 400 vagas para internos do egressos do sistema socioeducativo da Funase. Outra medida anunciada pela Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude é a ampliação de 2% para para 5% do número de vagas destinadas a jovens que cumpriram medida socioeducativa em órgãos do governo.

O governo do Estado vai encaminhar também um projeto de lei para a Assembleia Legislativa criando uma bolsa de R$ 200 para jovens em situação de risco atendidos pelo Centro da Juventude de Santo Amaro. No total, a previsão é atender 300 jovens.

Paulo assinou o documento para criação do Selo de Comprometimento Social do Pacto pela Vida, um reconhecimento para as entidades e pessoas que contribuírem para a paz, com o objetivo de reforçar parcercias com entidades públicas e privadas no combate à violência. Com a premiação, que será divulgada daqui a um ano, a sociedade poderá conhecer as organizações que contribuem para o combate à violência.

Para aumentar a vigilância e o combate à ação de criminosos, o sistema de monitoramento do Recife passará por uma reformulação e 100 câmeras das atuais existentes serão deslocadas para pontos mais altos do Recife. Com isso, o alcance da imagem, que hoje é de 400 metros, poderá passar a até 3 km, segundo informou o secretário de Defesa Social, Alessandro Carvalho.

O secretário de Desenvolvimento Humano, Criança e Juventude, Isaltino Nascimento, ressaltou que o programa é vitorioso e falou sobre as ações de cidadania desenvolvidos pelo Pacto pela Vida. De acordo com o secretário, a prevenção social contra a violência será intensificada. "O Governo reforçará ações de enfrentamento às drogas", afirma Isaltino.

Na última quarta-feira (6), o Comitê Gestor do Pacto pela Vida divulgou uma redução no número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), em relação ao registrado no mês de março. Foram 323 homicídios no mês passado, contra 334 do mês de março. Na comparação com os números do ano passado, no entanto, a curva continua subindo. Nos quatro primeiros meses deste ano foram registrados 1.304 assassinatos, o que representa 180 mortes a mais do que no mesmo período de 2014. 

O programa completa 8 anos na próxima sexta-feira e acumula momentos de sucesso e falhas durante sua existência. Paulo Câmara afirma que o Pacto pela Vida já salvou mais de 9 mil vidas, mas reconhece as falhas durante o último ano. "Os resultados do Pacto pela Vida estão aquém do que esperamos, mas vamos melhorar", explica.

NE10

Postagens Relacionadas
‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››