CPRH apreende arribaçãs vivas e abatidas para venda e consumo, em Gravatá

A CPRH apreendeu ainda 300 aves que estariam vivas em gaiolas. (Imagem ilustrativa/Coave)A Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) realizou a apreensão, na última quarta (23), num sítio da zona rural de Gravatá, no Agreste do estado, de 175 pássaros abatidos do tipo arribaçãs prontos para venda e consumo. O órgão também encontrou 300 aves que estariam vivas em gaiolas. A ação contou com o apoio da Companhia Independente de Policiamento do Meio Ambiente ( Cipoma) e da Delegacia de Meio Ambiente (Depoma)
Segundo informações da assessoria da CPRH, as aves vivas foram soltas e reintegradas ao ambiente natural. O responsável pelos animais responderá a um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), além de pagar multa, que poderá chegar ao valor de R$ 500 por animal contabilizado.
Mais Agreste

Postagens Relacionadas
‹‹ Postagem mais recente Postagem mais antiga ››